« Voltar para página de notícias

Boi gordo: dificuldade de compra e alta nos preços

Segundo levantamento da Scot Consultoria, nas praças paulistas, a referência do boi gordo subiu R$3,00/@ na última quinta-feira (15/10) na comparação feita dia a dia e ficou em R$265,00/@, considerando o preço bruto e a prazo, R$264,50/@, com desconto do Senar e R$261,00/@ com desconto do Senar e Funrural. No caso dos machos com menos de quatro dentes, as ofertas de compra ficaram em R$265,00/@, preço bruto e à vista. Vale ressaltar que negócios foram fechados com boiada comum nos mesmos patamares do boi China, a depender do volume e padrão do gado. As cotação das fêmeas também subiram. Elevação de 1,2%. A vaca gorda ficou cotada em R$250,00/@ e a novilha gorda em R$256,00/@, preços brutos e a prazo.

Fonte: Scot Consultoria

COTAÇÕES
  • BOI R$ 257,50
  • MILHO R$ 78,72
  • SOJA R$ 164,13
  • VACA R$ 244,97
  • Referentes ao dia : 26/10/20
    Campo Grande Cotação da @ à vista

REVISTA
CANAL DO PRODUTOR




PARCEIROS