« Voltar para página de notícias

ustiça volta a liberar exportação de gado vivo

A Justiça acolheu pedido da Advocacia Geral da União (AGU) e derrubou a liminar que proibia a exportação de gado vivo em território nacional. O pedido de proibição foi feito pelo Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal depois que um navio estrangeiro atracou no Ecoporto de Santos (SP) para carregar 25 mil bois, vendidos pelo frigorífico Minerva a compradores turcos.

A nova ação alega que a proibição das vendas brasileiras de animais vivos para o exterior, acarreta grave lesão à ordem administrativa, à saúde e à economia públicas. O órgão ainda lembra da importância do segmento para a economia, da demanda que existe mundo afora, que o Brasil tem condições de atender, e que diante da situação financeira do país, não se pode desprezar a arrecadação deste mercado.

“A própria autora da ação civil pública informou que o mercado de animais vivos jamais movimenta valores de US$ 170 milhões por ano. Cuida-se de valor significativo, que jamais poderia ser desprezado. Numa época crítica como a atual, com escassez de recursos, abrir mão de tamanha quantia beiraria o escárnio e agravaria ainda mais a crise econômica”, diz um trecho da decisão.

Fonte: Globo Rural 

 

 

COTAÇÕES
  • BOI R$ 134,75
  • SOJA R$ 76,63
  • MILHO R$ 36,01
  • VACA R$ 125,27
  • Referentes ao dia : 23/02/18
    Campo Grande Cotação da @ à vista

INFORMATIVO
CANAL DO PRODUTOR




PARCEIROS