« Voltar para página de notícias

Brasil eleva previsão de valor da produção agropecuária ao 2º maior da história

O Ministério da Agricultura elevou nesta segunda-feira a previsão do valor bruto da produção agropecuária (VBP) de 2019 para 597,8 bilhões de reais, cerca de 9 bilhões de reais acima do registrado na pesquisa divulgada em abril, com revisões positivas para soja, milho, arroz, algodão e laranja, entre outras culturas.

Caso se confirme, o VBP ficaria 1,4% acima do valor obtido em 2018, configurando-se ainda como o segundo maior desde que foi iniciada a série de dados em 1989. O total ficaria abaixo apenas do obtido em 2017, quando atingiu 601,8 bilhões de reais.

Os resultados em 2019, segundo o ministério, deverão resultar de um acréscimo de 3,3% na pecuária em relação ao ano passado, para 199,4 bilhões de reais, com impulso principalmente do segmento de frangos, com aumento estimado de 12%, para 61,5 bilhões de reais.

Já as lavouras têm crescimento previsto de 0,5% na comparação anual, para 398,4 bilhões de reais, apesar de uma frustração climática para a safra de soja, que deverá ser compensada em parte pelo aumento das colheitas de milho e de algodão.

Entre as principais culturas, os melhores desempenhos anuais devem ser registrados por algodão (17,1% ante 2018), feijão (96,9%), laranja (15,1), milho (17,35) e trigo (4,4%). O aumento de valor desses produtos deve-se em geral a preços mais elevados para esse grupo, exceto o algodão, que tem neste ano preço menor do que em 2018, segundo o ministério.

Além do algodão, preços mais baixos marcaram vários produtos importantes na formação do VBP, como cana, café e soja, destacou o ministério. “Os preços internacionais em baixa para açúcar, café e soja contribuíram para a redução dos preços internos e do valor”, explicou o ministério.

A soja –o principal produto do agronegócio do Brasil– tem VBP estimado em 128,4 bilhões de reais, um recuo anual de quase 13 por cento, visto que em 2018 a safra foi recorde. No mês anterior, o VBP da soja para este ano estava estimado em cerca de 128 bilhões de reais. No café, a expectativa também é de safra menor neste ano, e o valor foi estimado em 20,3 bilhões de reais (-21% ante 2018).

Fonte: Reuters

COTAÇÕES
  • BOI R$ 146,46
  • MILHO R$ 36,44
  • VACA R$ 136,00
  • SOJA R$ 86,23
  • Referentes ao dia : 23/08/19
    Campo Grande Cotação da @ à vista

REVISTA
CANAL DO PRODUTOR




PARCEIROS